SACRIFICED - Call Of Insanity

[postlink]http://rocknrollpost.blogspot.com/2012/12/sacrificed-call-of-insanity.html[/postlink]http://www.youtube.com/watch?v=oHb1ZcaZm0oendofvid[starttext]
Sacrificed é uma banda brasileira de heavy metal formada em 2006 em Belo Horizonte, Minas Gerais. Originalmente chamada Sacriffice, lançou o EP Streets of Fear em 2008 e passou por diversas reformulações até se estabelecer já com o nome de Sacrificed em 2009. A banda desde então teve dois lançamentos: o EP Sacrificed e The Path of Reflections, o primeiro álbum de estúdio, lançado pela Shinigami Records.
O som do grupo é descrito como uma mistura de elementos de heavy metal tradicional, progressive metal,[1][2] power metal[3] e thrash metal.[2]

Formação (2004 - 2009)

Em 2004,[4] Diego Oliveira, Gustavo Neves e Gabriel Fernando se juntaram para formar uma banda cover de Metallica.[5] Victor Almeida, um amigo de escola de Diego, foi convidado para os vocais e também passou a desempenhar a função de guitarrista do recém-formado Metalbreath, nome criado a partir da mistura de Metallica e a canção "Motor Breath".[4] Essa formação realizou vários shows, porém com pouca repercussão junto ao público.
Em maio de 2006, Diego conheceu Fabrício Áureo em um show em praça pública e o convidou para fazer um teste para o MetalBreath, tornando-se novo vocalista da banda.[4]
A partir de então, o grupo decidiu investir em composições próprias e pouco tempo depois mudou seu nome para Sacriffice. Em fevereiro de 2008, o Sacriffice lançou o EP Streets of Fear, com 4 músicas gravadas no Studio Kojima. Desde a metade do ano de 2008, após diversas apresentações em suporte ao EP, Fabrício começou a demonstrar tendência a deixar a banda em favor de sua banda de Pop rock, fato consumado no final do mesmo ano.[6] Na mesma ocasião, Gabriel também optou por sair do grupo para se dedicar a projetos pessoais, porém devido a amizade com os outros membros da banda, permaneceu até se reestabilizarem e encontrarem um novo vocalista.[6]
A busca por um novo vocalista fez o grupo considerar uma mudança mais drástica e, em janeiro de 2009, fizeram o convite à Kell Hell, ex-vocalista do Helltown, com quem o Sacriffice já havia tocado antes. A entrada de Kell Hell significou uma mudança de rumo para a banda, que passou a contar com vocal feminino. Para expressar tal mudança e também para evitar confusão com a banda canadense Sacrifice, o grupo decidiu mudar seu nome para Sacrificed.[6]

Mudança para Sacrificed

Com nova formação e novo nome, o grupo focou em ensaios e novas composições próprias. Nessa época, surgiram as primeiras versões de músicas que posteriormente apareceriam no álbum debut da banda, como "Far Away to Feel" e "The Truth Beneath the Laments". Pouco antes do Sacrificed entrar novamente em estúdio, Gabriel deixa o grupo e é substituído por Bruno Bavose (ex-Heaven Ghost e Culttruth). As sessões no Studio Kojima geraram três novas gravações, lançadas sob o título Sacrificed em formato EP gratuitamente via website da banda.[7]
A banda então participa da disputa do 4º Fundição Sônica, em Cataguases, Minas Gerais, do qual sagraram-se vencedores.[8] Ainda em 2009, iniciam as gravações para o primeiro álbum de estúdio no Studio WZ e Studio Kojima, com produção de Allan Wallace, André Márcio e Renato Kojima.[9] O processo de gravação do álbum aconteceu foi lento, durando cerca de um ano e realizado entre as séries de shows da banda.[5]
No ano seguinte, o Sacrificed participou de vários festivais como Arraial do Rock[10] e Festival do Rock Feminino. No segundo semestre de 2010, Gustavo Neves sai da banda e entra Thales Piassi em seu lugar.[5] Em janeiro de 2011, foi a banda de abertura do Eluveitie em Belo Horizonte[11] e poucos meses depois, abriu para a banda canadense The Agonist em Catanduva, São Paulo.[12][13]
Com as gravações do primeiro álbum de estúdio finalizadas, The Path of Reflections foi lançado pelo selo paulista Shinigami Records em setembro de 2011,[14] com show de lançamento no Hard Rock Café, em Belo Horizonte.[15] Seguiu-se a chamada "Tour of Reflections" pelo Sudeste brasileiro.[9] Já no início da turnê, Victor deixa a banda, sendo substituído por Leonardo Rizzi (ex-Seccond Sight e Blizzard).[16] No fim do ano, o Sacrificed foi considerado "Banda Revelação de 2011" pelos leitores da revista Roadie Crew.[17]
Em dezembro de 2012 a banda lançou o videoclipe para a música "Call Of Insanity".

BIOGRÁFIA TIRADA DA WIKIPÉDIA

 http://www.sacrificed.com.br/
[endtext]

2 comentários:

palavras ao vento disse...

quem disse que brasileiro não sabe fazer som...

Claudiomar Aparecido disse...

No Brasil tem muita gente boa na musica

Postar um comentário

 
Real Time Analytics