THE ANIMALS - House Of The Rising Sun (1964)

[postlink]http://rocknrollpost.blogspot.com/2012/12/the-animals-house-of-rising-sun-1964.html[/postlink]http://www.youtube.com/watch?v=bwAw9ThDQmkendofvid[starttext]O The Animals surgiu na década de 60 e, ao lado de Rolling Stones, tornou-se um dos principais nomes da “British Invasion”. A história do grupo teve várias mudanças de nomes no decorrer da carreira, mas ele é oriundo do Kansas City Five de Newcastle, formado por Alan Price (piano), John Steel (bateria) e Eric Burdon (voz). Burton foi morar em Londres e Price saiu para juntar-se ao Kontours, que mudou de nome para Alan Price R&B Combo. A banda de Price tornou-se a base para o Animals, com John Steel, Bryan “Chas” Chandler, Hilton Valentine e, com a volta de Burdon em 1963, adotaram o nome Animals.

Eles gravaram um EP com as músicas que tocavam nos bares da cidade e o resultado veio rápido, através de um contrato com a Columbia Records. Em 1964, o grupo lançou o primeiro single, “Baby Let Me Take You Home”, seguido pelo álbum de estréia, “The Animals”. Após o lançamento do disco “Animal Tracks” em 1965, Price largou a banda. Alguns boatos diziam que ele tinha medo de avião, outros falavam que o motivo seria as brigas constantes com Burdon. Em seu lugar entrou Dave Rowberry.

Alguns problemas surgiram após a saída de Price, o empresário Mickie Most e a gravadora quiseram que o grupo criasse músicas mais comerciais. Os integrantes não gostaram do rumo e trocaram de empresário e de gravadora antes de lançar o terceiro disco, “Animalisms”, que saiu em 1966 pela Decca. Mas os problemas não acabaram, Steel também preferiu deixar a banda e foi substituído por Barry Jenkins. Depois foi a vez de Chandler e Valentine tomarem outro rumo e, em 1966, o Animals colocava um fim na carreira.

No ano seguinte, Burdon liderou a volta do grupo, mas com novo nome: Eric Burdon and The New Animals. A formação contava ainda com Jenkins (bateria), John Weider (guitarra e violino), Vic Briggs (guitarra) e Danny McCulloch (baixo). Lançaram um disco/coletânea chamado “Eric is Here”, 1967. Um ano depois, o grupo não tinha mais Briggs e McCulloch, que foram substituídos por Zoot Money e Andy Summers. Mas um novo fim foi marcado pela mudança de Burdon para Los Angeles, onde ingressou na banda War.

Alguns anos depois, em 1976, a formação original se reencontrou para gravar “Before We Were So Rudely Interrupted”. O disco recebeu elogios da crítica, mas não chegou a fazer sucesso com o novo público e os integrantes se separaram novamente. Um último suspiro foi dado em 1983, quando surgiu o disco “The Ark”, com material inédito. A receptividade dos fãs foi bem melhor e o disco rendeu uma turnê mundial. Mesmo assim, foi a última vez que Burdon, Price, Chandler, Steel, Valentine e Money tocaram juntos no Animals. Em 2004, para comemorar os 40 anos da banda, o baterista John Steel realizou uma turnê em homenagem à banda.
FONTE: LAST FM

Tá aí uma banda que fazia um som diferente para aquela época, nada daquela coisa Pop e certinha que os Beatles faziam no começo de carreira, na minha opinião, não sei a de vocês, de bandas do começo dos anos 60, as 3 melhores são, The Who, The Animals e Manfed Mann. Beatles e Stones só tiveram um empresários muito ricos, por quê musicalmente não são lá grande coisa, sua músicas eram muito comuns, Beatles só melhorou no final dos anos 60, mas aí já inha Pink Floyd e em seguida o Led Zeppellin, e não adiantou eles terem mudado, e essa música do Animals, foi uma grande influência para essas bandas.

http://www.theanimalswebsite.com/
[endtext]

6 comentários:

palavras ao vento disse...

legal o som da banda...

Rodrigo Ferreira disse...

Demais o som e eles não gritam. Gostei demais...

http://rodrigobandasoficial.blogspot.com.br/

Marco disse...

o rock ''gritado'' só veio mesmo nos anos 70 onde abusavam da técnica vocal. o especila está quase chegando lá.

Guilherme Augusto disse...

interessante como os padrões seguem... naquela época a maioria das bandas vestiam terninhos nas apresentações e tinham cabelos curtinhos rsrs

Rejane Ferreira disse...

Legal o som! Olha a diferença da aparência deles para as bandas de agora. rsrs..
Acredito que independente da época o Rock é e sempre será o melhor gênero musical.

Abraço!

Zetrusk disse...

Rock, sempre surpreendente. Já tinha ouvido falar na banda.

Postar um comentário

 
Real Time Analytics